UM DIA..

sábado, maio 02, 2015



Um dia, o nosso nós vai ficar mais pequeno, e um de nós vai partir, a partir desse dia, um de nós vai passar os dias sem ouvir a voz do outro, e embora queira muito estar com o outro, não poderá fazê-lo. Um dia, um de nós não vai sentir os braços em volta do corpo, não vai receber um beijo de bom dia, e o mais difícil de suportar, será a noite. Um dia, um de nós vai acordar e pensar "mais um dia", embora antes, pudesse contar "um dia", e aí, um de nós vai estar sozinho. Um dia, uma lágrima vai escorrer no rosto, quando ouvirmos o nome, que tanto tempo passámos a falar. Um dia, um de nós vai estar perdido, e sem saber o que fazer. Aí, não haverão mais birras, nem discussões, nem frases que nunca deveriam ter sido ouvidas, porque nada de verdade têm para dizer. Vai parecer o fim do mundo, e a verdade é que todos esses momentos que tanto tínhamos o hábito de odiar, vão fazer-nos amar-nos ainda mais. Tudo o que fizemos vai parecer tão pouco, e o tempo vai parecer-nos que passou rápido demais.

Por isso, mesmo que por vezes eu não tenha razão, mesmo que por vezes tu não tenhas razão, nunca deixes de correr atrás de mim, por muito que te custe, por muito que dar o braço a torcer te vá ferir o orgulho, lembra-te sempre que um dia, um de nós não vai cá estar, vão sobrar as fotografias, as cartas escritas, e o orgulho também vai lá estar, mas um de nós não. Não vamos deixar o tempo passar.


Acompanha o blog através do bloglovin e nunca mais percas um post!

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR DISTO...

0 comentários

Olá meus amores! Ou como eu gosto de vos chamar, Woah'zitos.
No caso de vocês estarem interessados em comentar o conteúdo aqui do blog, fiquem a saber que depois de responderem ao formulário de comentários a vossa opinião não ficará visível, mas irá ficar assim que eu lei-a o comentário e autorize a sua publicação.
Prometo responder a todos vocês como muito amor e carinho.