PRETTY LITTLE LIARS: 6.11 "OF LATE I THINK OF ROSEWOOD"

quarta-feira, janeiro 20, 2016

Um brinde a uma nova era de mentiras e segredos

Já pararam para pensar em quanto as nossas vidas podem mudar em cinco anos? Pessoas casam, morrem, nascem, se formam, mudam de emprego ou de cidade... Bom, não é só as nossas vidas que podem mudar nesse tempo, as das liars também. Nesta nova fase de Pretty Little Liars, somos trazidos de volta à Rosewood cinco anos depois dos fatídicos acontecimentos da summer finale juntamente com Aria, Emily, Spencer e Hanna com uma carta de Alison sobre uma audiência em que as meninas deveriam depor sobre Charlotte e suas opiniões sobre o fato de ela sair do sanatório.
Deve ser realmente uma situação difícil, não? Tu passas quatro anos da tua vida a ser torturada mentalmente e fisicamente e agora a fonte de todo o teu sofrimento quer sair por aí, livre de novo, para poder ter a possibilidade de fazer tudo de novo. As meninas estão a passar pelo stresse pós-traumático ainda, podemos ver isso com a Emily a tomar anti-depressivos ou a Spencer a observar u, grupo de adolescentes em Rosewood a verificar o telemóvel e ficar apreensiva, por exemplo.


Achei realmente injusto da parte da Ali pedir para as meninas mentirem por ela para que Charlotte pudesse deixar o sanatório, afinal, não é porque ela superou o que passou (que afinal ela nem sofreu tanto assim, só teve que ficar escondida) que todos devem superar também. Até porque, nós nem sabemos tudo o que aconteceu na Dollhouse, só temos alguns flashes que aparecem pelas lembranças das meninas, e mesmo assim, a cada memória dá para ver o quanto foi sofrida essa tortura psicológica.

E quando chega a hora da audiência, eu confesso que enquanto estão todos a falar, se eu fosse a juíza não teria acreditado em uma palavra das meninas, todas com discursos muito ensaiados, cheios de reflexões filosóficas. E deu pra ver que foi tudo ensaiado antes quando Aria levou a sua cabulá do que tinha preparado, notavelmente ela não estava confortável ou muito menos a acreditar nas palavras que estava a dizer. E bom, quando o Ezra entrou na sala, tudo se transformou num borrão, temos novos flashes corridos de torturas de Aria, e finalmente um relato sincero de que não há como se sentir segura com -A de volta à sociedade. E que atire a primeira pedra quem não faria a mesma coisa. Achei engraçado o depoimento de Mona honesto, o único a favor dessa maneira. Talvez tenha sido ele o fato decisivo para a justiça acreditar que Charlotte estava pronta para deixar o sanatório.

Um foco nas coisas que mudaram, preciso dizer que amei o reencontro das meninas. Regado a abraços, selfies (como não amar isso, aliás?) e atualizações sobre as vidas que estão a viver agora. Descobrimos que Hanna trabalha com moda e sim, fiquei feliz por isso. Confesso que assim como Ashley Benson, não gostei do fato de Caleb e ela terem terminado e espero ansiosamente pelo retorno do casal para a felicidade dessa que vos escreve. E bom, já nem conheço esse Jordan, mas qualquer um que atrapalha o ship não pode ser gostável. Regra nº1 do manual haha. Fora que quando Caleb apareceu na porta do quarto de hotel da Hanna, todos os sentimentos foram a mil por hora. E foi bom também saber que a Ashley ficou bem sem a filha. Essa era uma das minhas preocupações, já que a melhor mãe de Rosewood só tinha Hanna e nada mais. Achei ótimo ela estar bem sucedida e ter reformado o Radley, transformando-o em um hotel, bem chique, aliás. Mas eu realmente fiquei a perguntar me quem vai turistar em Rosewood...



Já Spencer está a morar e a trabalhar em Washington e eu, honestamente, não poderia ter visto um futuro melhor para ela. Combina com a personagem. Otímo também foi ver que Veronica inspirou se n vida política da filha e decidiu concorrer a senadora e bom, que o marido/ ex-marido/ sei lá se eles estão casados ainda ou não/ pai da Spencer está junto dela e a ajudar na campanha. Por falar em Spencer, sabemos que ela está solteira, aparentemente, e bom, não teve como não voltar com o ship quando ela foi visitar Toby. Muito fofinho o reencontro deles, super bem humorado e cheio de esperanças para nós, pobres fãs. E para quem será que Toby estava construindo aquela casa?!

E por falar em ship destruído, parece que Marlene resolveu pisar em todas as nossas esperanças amorosas conhecidas na série. Afinal, Aria, está a publicar o seu primeiro livro agora e também está a namorar um tal de Liam, o qual eu não tenho ideia de quem é, mas já odeio. E engraçado ver que o rodízio de pais continua e só vimos Byron que aliás, nos deu a notícia de que Ezra estava de volta a Rosewood e a morar no apartamento em cima do Brew. E gente, que reencontro foi esse dos dois?! Os olhares, ai,tudo para matar nos do coração. Acho ótimo ver como os dois amadureceram já que não ficam desesperados na presença um do outro, apesar de ainda haver uma nuvem carregadíssima de sentimentos ali. Descobrimos que ele voltou do seu tempo como voluntário na América do Sul porque a tal Nicole morreu. Ponto para Ezria! Apesar disso, a tristeza nos olhos dele foi de cortar o coração.

Emily, de todas as meninas, foi a única que pareceu não se ter encontrado. Talvez o seu lugar fosse em Rosewood mesmo, o que deu para perceber um pouquinho pela conversa dela com Toby que aliás, fiquei muito feliz em ver isso acontecer já que fazia tempo que a amizade dos dois não era abordada. Bom, ela desistiu da faculdade, estava a trabalhar como bartender num lugar que poderia muito bem ser o Havaí. Não que isso seja ruim, mas Em parece triste e, para variar, sofrida, e é chato ver a personagem que tanto evoluiu ao longo das temporadas ter um retrocesso desse jeito. Mas claro também que isso tem relação com a morte do seu pai. Não sei se vocês lembram mas ele era militar e descobrimos que nesse meio tempo ele morreu em combate só pela bandeira que está na porta dos Fields. Bom, e porque aparentemente Pam estava namorando, mas deve ser bastante difícil retomar a vida amorosa depois que se perde o amor.

Bom, percebemos que mesmo com estas mudanças das personagens, algumas coisas nunca mudam, e encontramo-nos no bar do hotel com as meninas a beber depois de saber da notícia da libertação de Charlotte. Quem não iria querer ficar bebêdo depois de uma notícia dessas, aliás? O problema foi que na manhã seguinte, Hanna recebe uma chamada de Ali a dizer que Charlotte desapareceu. Eu, tu e todo  mundo pensou na mesma coisa: o retorno de -A? Mas estávamos enganados. Eu não poderia esperar que Charlotte morreria logo no retorno da série, mas esse é o motivo perfeito para que Hanna, Aria, Spencer e Emily ficassem por mais tempo em Rosewood. Foi uma ideia de génio.

Parece que agora somos levados a uma fase mais Desperate Housewives na série e tudo vai rodar em torno de quem matou Charlotte e no porquê disso. O que temos a comentar sobre isso? Sara Harvey voltou com luvinhas em destaque e, para variar, parece suspeita. Também pensamos que Alison vai entrar nessa depressão e vai querer acusar as meninas, certamente de terem interesse em matar a sua irmã e lembrar nos porque odiamos a personagem no início da série. E que, mais uma vez a igreja foi pano de fundo para um corpo, será que nunca pensaram em investigar o sacristão? Enfim, de fôlego tomado, vamos mergulhar em mais mistérios e, bem possivelmente, enrolações de Pretty Little Liars. Eu estou pronta, e vocês?

Little Lies:
1) Como não rir com Toby a dizer que a Ali acionou o bat-sinal para as meninas voltarem para a cidade?
2) Toby também me ganhou no episódio quando soltou a piadinha sobre a Fraternidade dos Ex-Namorados da qual ele e Caleb fariam parte.
3) A Spencer bêbada a dizer que ama as meninas e seus rostos! haha
4) Confesso que achei bem podre Emily propor o brinde à Charlotte. 
5) A Spencer a dizer que não pega mais mo filho do embaixador porque os regimes mudam. Tem como não amar essa menina a fazer piada nerd com a vida amorosa?
6) O reencontro de Spencer e Mona no discurso de Veronica foi bom de se ver também.
7) Não sei se vocês notaram, mas o corpo de Charlotte tinha uma rosa na mão.
8) Parabéns para a Hanna que mandou a Alison ligar para a polícia assim que surgiu um problema.
9) Eu espero que não tenha nenhuma insinuação de um possível romance entre Caleb e Spencer, por favor, gente..
10) Lorenzo foi promovido nesse meio tempo também, não que importe, mas certamente ele vai querer ser um chato com as meninas agora.
11) Não sei se vocês repararam, mas toda vez que tem um funeral as meninas sentam no banco da igreja na mesma ordem. Sim, curiosidade inútil

E então, o que acharam do retorno da série? Estão curiosos? Já têm teorias sobre quem matou Charlotte? Comentem comigo!

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR DISTO...

4 comentários

  1. Olá, hoje eu e meu pai estávamos brincando de pesquisar nossos nomes na internet e quando pesquisei o meu, vi que ele estava relacionado a um blog seu e tinha até uma foto minha, então me lembrei que há alguns anos eu entrei pra ser blogueira junto com outra garota no blog http://mylittlewordsmylittleworld.blogspot.com.br/ que você criou, então eu gostaria que você apagasse minhas informações e a minha foto, se possível, apague minha única postagem no blog, que foi essa http://mylittlewordsmylittleworld.blogspot.com.br/2013/05/we-cant-stop.html . Entre em contato comigo se apagar tudo o que te pedi, ok? Por favor, faça isso, é muito importante. ^^

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu perdi o mais de acesso à essa conta, aliás, eu já nem lembrava mais desse blog, mas eu vou ver se consigo dar um jeito de entrar e apagar o que querias relativamente a tua informação.

      Eliminar

Olá meus amores! Ou como eu gosto de vos chamar, Woah'zitos.
No caso de vocês estarem interessados em comentar o conteúdo aqui do blog, fiquem a saber que depois de responderem ao formulário de comentários a vossa opinião não ficará visível, mas irá ficar assim que eu lei-a o comentário e autorize a sua publicação.
Prometo responder a todos vocês como muito amor e carinho.

Aviso

Na sua maioria, as imagens e ilustrações utilizadas no blog são retiradas do Tumblr, Pinterest ou de uma pesquisa no Google Imagens. Se por coincidência alguma das imagens aqui partilhadas seja tua ou de alguém que conheces, agradeço que entres em contato comigo para a devida identificação ou exclusão das mesmas.

Os textos são da minha autoria, então caso queiras retirar alguma informação, eu agradeço ser citada e/ou informada. Qualquer informação retirada de um jornal, revista, livro, Internet ou outros, estará citada e identificada.

Instagram