COMO É QUE FOI O MEU 2016? [2/4] | Fala Ella

terça-feira, janeiro 17, 2017



Heis me aqui, nove dias depois de ter publicado o primeiro post desta série que iniciou o Fala Ella [inicialmente chamado de Woah Questions]. Demorei a fazê-lo sem razão, trazendo para 2017 uma das coisas que menos gostei de ter feito em 2016: adiar escrever um post, só porque sim e fazer hiatus sem motivo. Na minha cabeça este seria o ano em que ia dar tudo de mim para vos brindar com quatro posts por semana, não desisti dessa ideia, por isso, vai haver posts todos os dias durante os próximos dias para compensar todas as segundas, quartas, sextas e domingos em que não houve post neste janeiro. Mas voltando a esta publicação em concreto...
No ano que passou vivi tanto que quando paro para pensar nesses dozes meses não sei se devo rir ou chorar. Geralmente choro, porque foi abençoado por Deus com um coração de papelão. Senti que passou a correr, também têm essa sensação? Não sei se foi o ano que mais aproveitei para viver e fazer coisas diferentes, mas foi certamente um ano em que aprendi muito, principalmente sobre mim.. Conheci pessoas fantásticas e superei pequenos obstáculos que me tornaram uma jovem adulta mais forte, mas sem deixar de ser a choruna que sempre foi. 2016 também foi o ano em que fiz dezoito anos e até já me imagino a contar aos meus filhos e netos que me lembro disso como se fosse ontem.

11. Se alguém escrevesse um livro sobre o teu ano, que tipo de género seria?

Um romance/novelo semelhantes às do Nicholas Spark. Muito amor e muita tragédia. 

12. Qual foi a lição mais importante que aprendeste em 2016?

Conhecia a mantra "There are three thigs that cannot be long hidden: the sun. the moon and the truth"quando comecei a ver Teen Wolf, mas foi o ano passado que se encarregou de me explicar e demonstrar com casos da vida real o seu significado e o quão importante é termos isso em mente.

13. Que bloqueio(s) mental(is) ultrapassaste?

Não sei se será a resposta exata mas descobri qual era a forma mais indicada para eu tirar apontamentos, para estudar e de como fazer o meu bullet journal. Infelizmente, continuo com uma página em branco da Forbidden Love.

14. Quais as cinco pessoas com quem mais gostaste de passar tempo?

Mesmo que vocês possam não os conhecer, serão a Carolina, a Inês, o Jorge, a Patrícia e a Telma.

15. Qual foi o momento mais sábio descoberto na tua carreira?

Supondo que ser estudante é a minha carreira, no momento, julgo que escolher psicologia como opção no 12º ano foi a minha melhor escolha.

16. Como é que o teu relacionamento com a tua família evolui? 

No final do verão a minha irmã mais velha mudou se para Évora onde está a formar se em Medicina Veterinária e, para ser honesta, sempre vivemos entre amor e ódio. Ela ir embora fez nos evoluir para o nível de amor e saudade.

17. Que filme ou livro afetou a tua vida de uma forma profunda?

Já tinha visto o filme antes, mas voltei a vê-lo ete ano e certamente mudou a minha vida, no minimo deixou me a chorar durante meses. J. Edgar de Clint Eastwood.

18. Qual foi o melhor elogio que recebeste durante o ano?

" És a mulher da minha vida... " - ou algo do género Jorge Humberto, o ex namorado.

19. Quais foram as pequenas coisas que mais gostaste no teu dia a dia?

As refeições em casa do meu avó, os ensaios do rancho e os sorrisos que rasgaram os rostos dos meus irmãos mais novos.

20. Que coisas cool criaste?

Os projetos: Guia de Estilo, Internet Famous, Na Estante e Se Eu Fosse Arabella.

Esta publicação é a segunda de quatro partes em que eu respondo  perguntas que encontrei em anuschkarees.com. As imagens presentes no mesmo foram encontradas no pinterest e editas com fotor. Não se esqueçam de seguir o blog porque quem está inscrito lê sempre primeiro. 

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR DISTO...

0 comentários

Olá meus amores! Ou como eu gosto de vos chamar, Woah'zitos.
No caso de vocês estarem interessados em comentar o conteúdo aqui do blog, fiquem a saber que depois de responderem ao formulário de comentários a vossa opinião não ficará visível, mas irá ficar assim que eu lei-a o comentário e autorize a sua publicação.
Prometo responder a todos vocês como muito amor e carinho.

Aviso

Na sua maioria, as imagens e ilustrações utilizadas no blog são retiradas do Tumblr, Pinterest ou de uma pesquisa no Google Imagens. Se por coincidência alguma das imagens aqui partilhadas seja tua ou de alguém que conheces, agradeço que entres em contato comigo para a devida identificação ou exclusão das mesmas.

Os textos são da minha autoria, então caso queiras retirar alguma informação, eu agradeço ser citada e/ou informada. Qualquer informação retirada de um jornal, revista, livro, Internet ou outros, estará citada e identificada.

Instagram