A PRIMAVERA DA VIDA | Se Eu Fosse Arabella

segunda-feira, abril 03, 2017


"A natureza não associa a primavera ao nascer apenas, mas também, ou sobretudo, ao renascer."
- José Tolentino Mendonça, Expresso, 11 de março de 2017


A primavera é vista, aos olhos do ser humano, como a estação do ano mais bonita e colorida: afinal é nela que, depois do frio do inverno, começam a haver dias mais ensolarados e é também quando se abrem os botões das flores. É, por isso, um período de renascimento: voltam as flores e os animais acordam do seu perído de hibernação que durou toda a estação fria.
Ao contrário da natureza, a vida do Homem não se divide em quatro estações, mas as suas etapas e os momentos por si vividos podem ser comparados a invernos e primaveras. Apesar de nem tudo ser negativo na época mais fria do ano, essa estação representaria as situações de crise e turbulência da vida enquanto a primavera seria o momento em que, literalmente, um novo amanheceria e surgiria a possibilidade de vencer as dificuldades.
Há uns anos, vi o filme The Impossible, baseado em factos verídicos, que apresentava a capacidade que o Homem tem, tal como a natureza, de ultrapassar as situações de crise e renascer: é contada a história de uma família espanhola que se vê vítima duma catástrofe natural.


Maria (Naomi Watts), Henry (Ewan McGregor) e seus três filhos, Lucas (Tom Holland), Thomas (Samuel Joslin) e Simon (Oaklee Pendergast) estavam a aproveitar as suas férias de inverno na Tailândia. Quando, na manhã do dia 26 de dezembro de 2004, enquanto todos relaxam na piscina do hotel, após as festividades de Natal, um tsunami de proporções devastadoras atinge a costa.
A família acaba separada: Maria e seu filho mais velho, Lucas, vão para um lado da ilha, enquanto Henry e os dois filhos mais novos vão para o outro. Depois da água baixar, e se poderem ver todos os ferimentos causados nas pessoas que ali estavam, percebemos que a perna direita de Maria ficou gravemente ferida, tal como as costas de Lucas.  Enquanto isso, Henry e seus dois filhos ainda estão no hotel e procuram pelos outros dois membros da sua família. Henry acaba por decidir mandar os seus dois filhos mais novos para as montanhas, com outras crianças perdidas. Ele promete-lhes que, em breve, irá ter com eles. Sem Thomas e Simon, Henry continua procurando por Maria e Lucas. Como não os conseguia encontrar, ele vai para as Montanhas, mas ao lá chegar descobre que seus filhos os foram levados pois estavam sem responsáveis. Os filhos mais novos de Maria e Henry acabam por conseguir fugir do carro onde estavam e, pela Graça de Deus vão parar no mesmo hospital onde Maria e Lucas estão. Henry, juntamente com outras pessoas, consegue um carro e com este carro eles vão de hospital em hospital a procura dos seus parentes perdidos, quando eles param no hospital em que Maria está ele escuta a voz de seus filhos mais novos, ele corre e os abraça, depois Lucas encontra os e os quatro vão para a sala onde Maria está internada.
Após Maria passar por um cirurgia de risco, que deu certo no final, eles finalmente conseguem voltar todos juntos para casa.

Voltarem a estar todos juntos foi a verdadeira primavera das suas vidas, pois conseguiram ultrapassar uma situação de extrema dificuldade e renasceram, tornaram se melhores pessoas e uma família melhor, mais forte e mais unida.

O QUÊ QUE VOCÊS ACHAM DA PRIMAVERA? JÁ VIRAM O FILME O IMPOSSÍVEL? Contém me todo nos comentários e não se esqueçam de subscrever. Afinal, quem está subscrito lê sempre primeiro. As imagens que ilustram este post não são conteúdo meu. A primeira foi encontrada através do Pinterest e editada no editor online CANVA enquanto as duas últimas encontrei-as atrávés de uma pesquisa no google se não sofreram qualquer alteração da minha parte.

TAMBÉM PODERÁS GOSTAR DISTO...

3 comentários

Olá meus amores! Ou como eu gosto de vos chamar, Woah'zitos.
No caso de vocês estarem interessados em comentar o conteúdo aqui do blog, fiquem a saber que depois de responderem ao formulário de comentários a vossa opinião não ficará visível, mas irá ficar assim que eu lei-a o comentário e autorize a sua publicação.
Prometo responder a todos vocês como muito amor e carinho.

Aviso

Na sua maioria, as imagens e ilustrações utilizadas no blog são retiradas do Tumblr, Pinterest ou de uma pesquisa no Google Imagens. Se por coincidência alguma das imagens aqui partilhadas seja tua ou de alguém que conheces, agradeço que entres em contato comigo para a devida identificação ou exclusão das mesmas.

Os textos são da minha autoria, então caso queiras retirar alguma informação, eu agradeço ser citada e/ou informada. Qualquer informação retirada de um jornal, revista, livro, Internet ou outros, estará citada e identificada.

Instagram